06 de Jan de 2014

Enfim, rabisquei meu corpo novamente :)

Aeee! FELIZ ANO NOVO (atrasado, eu sei hahha) mas não podia deixar de desejar isso, pra todos os meus leitores, que comentam e me ajudam! Obrigada pelos comentários do post anterior *-* vamos ao que interessa né, enfim, rabisquei novamente meu corpo ahuahua brincadeiras a parte, nesse post, eu tinha falado que fiz a minha primeira tatuagem, foi um coração pequenininho no pulso, apenas de teste de cicatrização e de tinta, e felizmente funcionou e depois de 1 ano estou aqui novamente rabiscando o meu querido corpo e fiz as minhas duas tatuagens que eu queria a muito tempo atrás, o meu nome em japonês na nuca e o tsuru nas costas, ambas com significado puro de descendência, da cultura japonesa s2 s2 s2

Eu já havia decidido a um tempo atrás, mas por causa de tempo e de dinheiro não havia feito, até que começo de dezembro, fiz as duas tatuagens, em estúdio aqui de Campinas, o Estúdio chama Studio Lotus, eu tirei algumas fotos do estúdio com o meu celular, então se tiver meio ruim, não briguem comigo por favor hahahha

O estúdio é uma graça, super limpo e super aconchegante, a Deh é um amor de pessoa, fica conversando o tempo todo com a gente, e ela usa tudo descartável (lembre-se, se for fazer tatuagem, escolha sempre lugares que usam agulhas descartáveis, e luvas também, além de máscara no rosto), o lugar é super limpo e a mão da Deh é bem leve, então nem doeu tanto ahhaha e o Rafael também é super gente boa, me ajudou bastante explicando sobre a cicatrização e o que eu devo fazer :)

studio1

o que eu fiquei apaixonada pelo lugar, é que ele tem várias decorações, cds como cortina, desenhos da própria Deh na parede, uma mesa linda com uma caveira mexicana, vários kusudamas um mais lindo que o outros *-*

studio2

E a tatuagem durou exatamente 50 minutos, e foi bem de boa fazer. Ah, mas dói? não vou mentir, dói! mas é uma dor totalmente suportável, como ela foi conversando comigo, eu nem senti muito hahaha dos dois lugares que eu fiz, o que doeu mais foi a nuca, na verdade, o que eu senti mais foi a nuca, porque de resto é bem tranquilo *-* E sobre a cicatrização, é bem simples cuidar, eu fiquei com o plástico (aqueles de cozinha ^^ ) nas duas tatuagens, nos dois primeiros dias, e depois tirei, fiquei passando apenas a pomada (bepantol derma), na primeira semana ainda sentia um pouco quando a alça do sutiã pegava na tatuagem do tsuru, mas depois de uma semana, ficou normal, o da nuca por ser menor, cicatrizou bem mais rápido e o do tsuru demorou um pouquinho, mas os dias que eles falaram, 15 dias :) Depois disso é só cuidar com bastante protetor solar e hidratante ^^ Como eu fiz no final de dezembro, achei que não ia cicatrizar a tempo para o ano novo, já que eu ia passar em uma chácara com piscina haha, mas graças a Deus, foi tudo certo, cicatrizou e eu consegui entrar na piscina normalmente :) e se você ficou com alguma dúvida sobre a tatuagem, tempo de cicatrização, como colocar o plástico essas coisas, pode perguntar, respondo com o maior prazer :) e as fotos Maíra? Calmaaa, estão logo abaixo ahhahaha

DSC_0405DSC_0406DSC_0407DSC_0408DSC_0414DSC_0416

Espero que tenham gostado das fotos, e logo mais tem novidade no blog, 5 anos de blog e surpresas para vocês!!! Fiquem de olho! <3 <3 <3

13 de Sep de 2012

1000 tsurus e 1 desejo

A história começa com uma menina chamada Sadako, que sobreviveu a bomba atômica de Hiroshima, em 6 de Agosto de 1945. Na época ela tinha 2 anos, ela cresceu e praticava atletismos, mas em 1955, se esforçou muito em uma competição e começou a sentir tonturas e cansaço e não conseguiu se levantar. Ela foi levada ao hospital e diagnosticada com Leucemia, como diziam, a doença da bomba atômica. Para ajudar a amiga, Chizuko foi visitá-la e levou papéis de origami e contou-lhe uma velha lenda japonesa, a dos 1000 tsurus, ela explicou que o tsuru é uma sagrada ave japonesa, vive 1000 anos e que se uma pessoa dobrasse 1000 tsurus de papel teria um desejo concedido. Sadako ficou com esperança de que um dia pudesse correr novamente e começou a dobrar os tsurus. Infelizmente Sadako faleceu aos 12 anos, antes de completar os 1000 tsrusus. Ela nunca desistiu e foi inspirado nessa perseverança que os amigos de sadalo montaram um livro com as cartas escritas por ela e publicaram e conseguiram dinheiro para construir uma estátua em homenagem a Sadako, a estátua foi construída em 1958, no Parque da Paz em Hiroshima, com os dizeres: Esse é o nosso grito. Essa é a nossa reza. Paz no mundo!

tsrusu-1

Foi com esse espírito de paz que resolvi dobrar 1000 tsrusus. Toda vez que eu fazia um tsuru, todos falavam sobre essa história dos 1000 tsrusus, perguntavam também, mas não tinha a curiosidade de saber sobre essa história. Um dia, sem fazer nada em casa, pesquisei sobre o assunto, e a cada página que lia, a cada história contada, eu me empolgava mais nessa ideia. Mas não porque era legal, ou porque eu gosto de tsuru, mas tem uma coisa por trás disso tudo ;) Eu sou uma pessoa que tenho dificuldade de terminar algo que começo, talvez porque eu desisto, ou porque canso, ou até porque eu não consigo fazer do jeito que imaginei, se isso é insegurança, então acertou. A ideia de fazer algo que é grande e com um significado tão lindo, eu não posso desperdiçar, então eu falei para mim mesma, não importa o desejo que fizer, mas você vai completar esses 1000 tsurus antes do ano novo, por um simples objetivo, mostrar para mim mesma que eu sou capaz de fazer o que eu quiser ^^
Parece uma coisa esquisita, mas eu quero isso mesmo, a minha insegurança já me atrapalhou por demais os meus pensamentos, as minhas ações e eu quero melhorar, quero seguir mais leve. ;)

Vocês já pensaram nisso? ( Não fazer os 1000 tsrusus ^^ ) mas simplesmente pensar em vocês, no que vocês querem, olhar para você mesmo com um olhar diferente. Eu aconselho vocês a fazerem isso, quando a gente se conhece, tudo fica mais leve, a vida, os relacionamentos, os trabalhos, tudo *-*

Comecei a dobrar no dia 21 de Agosto de 2012
Já tem #180 tsurus.

Créditos a história: Amorigami.com.br

Respondendo os comentários lindos s2